Compartilhar Inscreva-se

A saúde da sua clínica também precisa de cuidados!

  • Diminua 50% as faltas dos pacientes.
  • Economize 40% no tempo de suas secretárias.
  • Facilite 100% seu dia.

Gostou desse conteúdo?

Junte-se a nossa lista de 12.000 profissionais da saúde e receba em primeira mão conteúdos exclusivos, eBooks e dicas de gestão.

Agora estamos prontos para ajudar você!

Você receberá todos os nossos conteúdos, dicas e ferramentas exclusivas.

Prontuário Eletrônico Gratuito x Prontuário Eletrônico Clínica nas Nuvens: Comparação Completa das Vantagens e Desvantagens

Prontuário Eletrônico Gratuito x Prontuário Eletrônico Clínica nas Nuvens: Comparação Completa das Vantagens e Desvantagens

A utilização da tecnologia na medicina transforma toda a relação entre médico e paciente, sendo que o prontuário eletrônico possui opções gratuitas para facilitar as atividades.

Assim como o laudo médico, o prontuário é um documento fundamental para detalhar as condições do paciente e promover seu tratamento. 

Automatizá-lo adequadamente, portanto, significa mais praticidade e tempo para o profissional. Mas, afinal, como isso é feito? Como escolher a melhor ferramenta para facilitar a rotina médica? Explicaremos neste conteúdo, acompanhe!

Conquiste e fidelize seus pacientes

Prontuário eletrônico gratuito: O que é?

O prontuário eletrônico é um documento digital que reúne todas as informações clínicas do paciente, além de seus tratamentos e medicações. 

Esse prontuário precisa seguir as regras estabelecidas por lei para os documentos tradicionais. As regulamentações foram definidas pelo Conselho Federal de Medicina, e servem para facilitar a interpretação das informações. 

As versões gratuitas permitem que, sem custos, os profissionais possam armazenar as informações de seus pacientes. Em um modelo pré-definido, os próprios pacientes podem acessá-lo e conferir os dados.

Vale lembrar, ainda, que pela digitalização desse documento, não é mais necessário acumular papéis físicos para consulta. 

Ao invés de buscar profundamente entre os registros, a modalidade eletrônica permite um acesso simplificado ao prontuário.

Ainda assim, nem sempre a versão gratuita dessa ferramenta é a mais recomendada. 

Lindando com informações médicas restritas que dizem respeito ao paciente, é fundamental ter segurança e confiabilidade na tecnologia.

Como funciona um prontuário médico?

O prontuário médico funciona para garantir a circulação de informações do paciente, seu tratamento e progresso. 

Embora nomeado “prontuário médico”, o CFM afirma que o documento é de posse do paciente, que deve ter acesso às informações sobre sua saúde. 

O TIC saúde, relatório desenvolvido para avaliar a tecnologia nas clínicas e estabelecimentos de saúde mostrou que cerca de 73% dos locais já utilizam ferramentas como essa para melhorar a experiência do paciente. 

Isso porque o funcionamento dessa ferramenta é feito exclusivamente para otimizar o tempo do profissional de saúde com o paciente. Assim, na prática, existem dois tipos de prontuários eletrônicos:

  • PEP: Prontuário Eletrônico do Paciente, ou seja, um documento que oferece uma visão completa para o profissional de saúde sobre a condição e outras informações do paciente.
  • PEC: Prontuário Eletrônico do Cidadão, que oferece informações, geralmente do setor público, para o paciente que deseja acessá-las. Essa implementação está em andamento em diversas unidades de saúde pública no país.

O Conselho Federal de Medicina estabelece que todo o paciente pode ter acesso ao seu prontuário sempre que solicitar. 

Por isso, o prontuário eletrônico ideal deve ter uma acessibilidade simples, além de informações completas sobre medicações, anotações e relatórios do médico e registros de seu quadro. 

Quais são as características do prontuário eletrônico do paciente?

No estado de São Paulo, o Conselho Regional de Medicina define algumas características essenciais na elaboração do prontuário, que são de exclusiva obrigatoriedade do médico que atende o paciente:

  • Dados pessoais, como nome, idade, etc.
  • Hipóteses de diagnósticos
  • Diagnósticos estabelecidos;
  • Tratamentos;
  • Exames físicos e seus resultados;
  • Sintomas apresentados pelo paciente na consulta inicial;
  • Medicações e outras ações tomadas no quadro. 

Vale ressaltar, ainda, que os prontuários digitais dos pacientes precisam ser devidamente seguros no que diz respeito ao acesso.

A resolução Nº 2.217 proíbe o acesso e divulgação de informações que influenciem no sigilo médico. Por isso, alguns dos preceitos do laudo eletrônico envolvem: 

  • Privacidade;
  • Segurança;
  • Integridade;
  • Confidencialidade. 

No que diz respeito aos acessos ao laudo, somente o médico responsável e autorizado pode consultá-lo. Além disso, a tecnologia precisa ser devidamente protegida de ataques que possam comprometer a privacidade do paciente. 

É neste cenário que as opções de prontuários eletrônicos gratuitos nem sempre cumprem os requisitos necessários. 

Pela importância da tecnologia de segurança, nem sempre é vantajoso contar com ferramentas compartilhadas e de acesso irrestrito. 

Os sistemas gratuitos, muitas vezes podem prejudicar o cumprimento da lei de sigilo dos profissionais. 

Confira também: Como funciona a prescrição médica digital

Desvantagens de um prontuário eletrônico gratuito

Além dos aspectos de segurança que mencionamos, o prontuário eletrônico gratuito nem sempre supre as demais necessidades de um estabelecimento.

Primeiramente, porque essas ferramentas não costumam ter atualizações constantes. Dada a dinamicidade dos softwares de medicina, as ferramentas desatualizadas rapidamente deixam de ser úteis para um consultório.

O resultado é que a clínica pode ter uma imensa insegurança e instabilidade em seus processos, principalmente porque uma opção gratuita pode acabar saindo do ar a qualquer momento.

A receita médica digital também pode ser muito prejudicada com tecnologias desatualizadas. Pense que, sem um novo medicamento na cartela de opções, fica muito mais difícil receitar as doses adequadas de substâncias inovadoras e efetivas.

Devemos lembrar ainda, que para a experiência do paciente, o prontuário eletrônico gratuito nem sempre é a melhor alternativa. 

Com uma interface menos simples, algumas pessoas podem ter maiores dificuldades de acessar as informações. 

Comparação entre prontuário eletrônico gratuito x prontuário eletrônico Clinica nas Nuvens

O software do Clínica nas Nuvens possui opções desenvolvidas especialmente para a gestão médica e melhoria dos serviços prestados. 

Mas, afinal, quais as vantagens de um software de prontuário eletrônico gratuito para a opção Clínica nas Nuvens? Acompanhe abaixo alguns principais pontos de diferença entre as opções gratuitas e esta:

Demonstração Clínica nas Nuvens

Segurança

Como vimos, os softwares gratuitos podem deixar a desejar quando o assunto é segurança das informações e sigilo médico. 

Por outro lado, nesta versão, o programa conta com atualizações e permite diversas adequações de acesso e de utilização, garantindo o acesso adequado às informações.

Um sistema tão importante quanto o de laudo médico não poderia ficar aberto para qualquer pessoa que deseje acessá-lo. 

Por isso, a manutenção de acessos e a definição de usuários permitidos nos laudos é muito importante nesse sistema.

Existe, ainda, o certificado digital e a proteção com senhas das informações. Dessa maneira, o sistema funciona de acordo com o previsto pelo CFM e ainda possui validade jurídica de segurança.  

Personalização

Assim como cada gestão de clínica é única, as necessidades na hora de desenvolver laudos médicos também diferem conforme a empresa.

Por isso, o Clínica nas Nuvens possibilita campos personalizáveis no momento de preencher o laudo. 

Dessa maneira, é possível inserir somente as informações necessárias ao paciente de maneira concisa no documento, como sugere o CFM. 

As ferramentas também podem ser escolhidas pelo profissional para promover o melhor atendimento possível ao paciente. 

Como cada um possui uma forma de atuação diferente, o nível de personalização oferecido é a chave para destacar-se na relação com os pacientes.

Assim, ao inserir somente as informações essenciais, sobra tempo para aprofundar-se nos casos. 

prontuário eletrônico e diagnóstico

Histórico dos pacientes no prontuário eletrônico gratuito x Clínica nas Nuvens

O Clínica nas Nuvens também organiza de forma facilitada todo o processo de dados do paciente. 

Com uma representação visual, torna-se muito mais simples entender o diagnóstico, prescrições e progresso no tratamento.

Nas versões gratuitas, nem sempre as informações são disponibilizadas de maneira acessível e facilmente interpretável. 

Além disso, pode não haver garantia de armazenamento ou pode ocorrer limitações no volume de informações registradas.

Por isso, utilizar essa ferramenta completa facilita na consulta, visualização e planejamento de novas abordagens clínicas com o paciente. 

No mais, não há a insegurança de atingir limites de dados armazenados. Esta ferramenta permite uma vasta gama de laudos e permite que a clínica mantenha os dados do paciente seguros e constantemente atualizados sem riscos de perda.

Solicitação de exames

A ferramenta de solicitação de exames também permite a integração com o prontuário eletrônico. 

Dessa maneira, o profissional não precisa preencher manualmente os documentos, evitando falhas, retrabalhos e melhorando sua produtividade.

Os exames frequentemente solicitados também podem ser otimizados com esta ferramenta. Sem precisar realizar atividades repetitivas, o médico pode solicitar exames partindo de um modelo pré-existente.

Toda essa facilitação geralmente não está disponível em um prontuário eletrônico gratuito, já que o profissional precisa preencher constantemente as informações.

Prescrição de medicamentos

Como mencionamos, a atualização dos softwares de prontuários permitem abordagens muito mais novas nos tratamentos medicamentosos.

Além disso, contar com o Clínica nas Nuvens permite acesso a um banco de dados de diversos protocolos e interações de medicamentos para seus pacientes. 

Dessa forma, o trabalho do profissional é ainda mais agilizado, já que pode facilmente entender a melhor escolha de medicação nos tratamentos. 

Vale ressaltar, ainda, que a aplicação permite pesquisas de comparação dos valores de medicamentos, além de possibilitar o compartilhamento da receita pelo WhatsApp ou E-mail. 

Todas essas funcionalidades melhoram o conforto do paciente, bem como a segurança do médico ao passar informações e se certificar que o remédio será adquirido. 

software eletrônico na medicina

Anamnese

Entender a queixa inicial do paciente é fundamental no caminho até o diagnóstico e tratamento. Para evitar que qualquer informação importante passe despercebida, é possível formular questionamentos padronizados para uma primeira consulta. 

A ferramenta de prontuário eletrônico oferece opções prontas e também disponibiliza a possibilidade de personalização. 

Consequentemente, em comparação com as opções gratuitas, esse software torna o processo muito mais preciso e antecipa previsões de possíveis problemas.

Diagnóstico CID

O CID, ou Classificação Internacional de Doenças é um documento importantíssimo para a identificação e tratamento de problemas de saúde. 

Os prontuários eletrônicos gratuitos, diferentemente da ferramenta Clínica nas Nuvens não oferecem opções interligadas à esta classificação.

Por outro lado, com o acesso às estatísticas e doenças documentadas no CID, o profissional pode ter muito mais facilidade em entender quadros clínicos. 

A integração também facilita o acompanhamento de novas estatísticas e amplia o repertório e detalhamento diagnóstico do profissional.

cid 10 digital

Pré-atendimento

Desde o pré-atendimento, as ferramentas mais desenvolvidas para prontuários eletrônicos podem facilitar na coleta de informações. 

A exemplo, profissionais como enfermeiros ou atendentes já podem inserir dados como altura, peso e tipo sanguíneo nesse documento. 

A própria empresa também pode configurar novos dados a serem coletados antes mesmo da consulta médica, diferentemente do que ocorreria em uma ferramenta gratuita.

Modelos de atestados

Com a integração ao CID e as personalizações disponíveis, o profissional de saúde também pode desenvolver modelos de atestado de preenchimento mais simples ao longo da consulta.

Consequentemente, em um software como o Clínica nas nuvens, o tempo é ainda mais aproveitado nas consultas, sendo que não há margem de erros causados por falhas humanas ao longo da formulação do atestado. 

Qual prontuário eletrônico escolher? 3 fatores na hora da decisão!

Por fim, você pode estar se perguntando o que deve considerar no momento da escolha do prontuário eletrônico para a clínica. 

Como a necessidade de cada empresa varia, é fundamental entender a fundo o como essa ferramenta pode melhorar seus processos internos. Abaixo, listamos alguns fatores-chave para considerar no momento de identificar a melhor opção:

1. Otimização de tempo

O tempo de consulta médica adequado é fundamental para a coleta de informações e para que o paciente esclareça suas dúvidas de maneira confortável e completa. 

Por isso, é importante avaliar opções que agilizem as atividades burocráticas e permitam maior aproveitamento desse momento. 

Isso não só melhora a capacidade do médico de realizar o diagnóstico como também facilita sua relação com o paciente. Assim, identifique uma opção que promova o máximo de automatizações possível na consulta.

2. Atendimento Humanizado

atendimento humanizado e prontuário

Como precisam interagir constantemente com o paciente, os prontuários devem ser formulados de maneira a promover fáceis interpretações para quem acessa.

Por isso, o atendimento humanizado, com integração em diferentes canais e que atenda às necessidades do paciente faz toda a diferença. 

Avalie se a ferramenta em questão considera aspectos humanos na hora de apresentar os dados.

3. Segurança e gerenciamento

Por fim, uma grande diferença de um prontuário eletrônico gratuito para a escolha de outras opções é a facilitação de gerenciamentos que a ferramenta deve proporcionar.

Ao ser utilizada com bancos de dados, sistemas de segurança e restrições de acesso, a tecnologia permite o cumprimento da lei e ainda a garantia de segurança para quem está autorizado a acessar as informações. 

Prontuário Eletrônico descomplicado

Conclusão: Prontuário eletrônico gratuito X Clínica nas Nuvens

Embora o prontuário eletrônico gratuito não demande investimentos iniciais por parte da clínica, nem sempre se trata de uma opção vantajosa para a empresa. As principais vantagens da ferramenta, em todos os casos são:

  • Agilidade na troca de informações;
  • Acessibilidade;
  • Detalhamento de quadros clínicos;
  • Automatização de tarefas;
  • Entre outras.

Por outro lado, nas ferramentas gratuitas, com menos segurança e limitações no serviço, essa utilização pode comprometer a gestão de dados e ocasionar problemas relacionados ao sigilo médico. 

Assim, sempre que possível, o ideal é contar com opções como o Clínica nas Nuvens, de modo a garantir praticidade e conforto para os pacientes. Não espere ter problemas para adquirir um software otimizado para sua clínica!

Telemedicina
Compartilhe
André Luiz Forchesatto

André Luiz Forchesatto

Ajudo a facilitar a rotina de nossos clientes, gerenciando o time que trabalha constantemente para simplificar a gestão de clínicas, consultórios e centros médicos pelo Brasil.