Compartilhar Inscreva-se
A saúde da sua clínica também precisa de cuidados!
  • Diminua 50% as faltas dos pacientes.
  • Economize 40% no tempo de suas secretárias.
  • Facilite 100% seu dia.
Gostou desse conteúdo?

Junte-se a nossa lista de 10.500 profissionais da saúde e receba em primeira mão conteúdos exclusivos, eBooks e dicas de gestão.

Agora estamos prontos para ajudar você!

Você receberá todos os nossos conteúdos, dicas e ferramentas exclusivas.

Gestão de Clínica: o que é, desafios e como fazer uma boa administração!

Gestão de Clínica: o que é, desafios e como fazer uma boa administração!

Depois de muito trabalho, você finalmente conseguiu montar um centro de atendimento à saúde, certo? Mas, apesar de todo o esforço e investimento, isso ainda não é o suficiente para o sucesso. Também é fundamental investir em gestão de clínica.

Mas, afinal, o que significa esse termo? E quais são as suas ramificações?

É exatamente isso o que você vai descobrir neste conteúdo. E mais, também vamos mostrar como é possível fazer um gerenciamento e administração eficientes.

Fique de olho e aproveite as dicas!

Para quem não sabe por onde começar a organizar a rotina de trabalho, o melhor é apostar em gestão de clínica!

O que é gestão da clínica?

A gestão de clínica é o conjunto de processos e tarefas feitos para o excelente funcionamento do espaço médico.

Segundo o Peter Drucker, pai da administração moderna, na gestão:

“Fazer as coisas certas é mais importante do que fazer as coisas direito.”

Vale ressaltar que tudo isso, claro, tem o foco no acolhimento e satisfação dos pacientes.

Sendo assim, todos os profissionais precisam ficar atentos à produtividade diária. Mais adiante, vamos mostrar alguns caminhos para isso.

O que faz um gerente de clínica médica?

O profissional ligado à gestão médica é responsável por coordenar o site, as equipes e as tarefas, de modo a garantir a qualidade de todos os serviços prestados.

É exatamente por isso que ele deve sempre planejar ações, construir processos, definir metas — com base no capital financeiro disponível — e analisar o desempenho de todos os colaboradores.

Qualquer desvio dentro desses aspectos deve ser corrigido e restabelecido o mais breve possível.

Por que fazer gestão de clínica?

gestão da clínica

É possível citar vários motivos que respondem essa questão.

Metas e objetivos

Para começar, com a gestão de clínicas e consultórios fica mais fácil definir as metas e os objetivos da empresa.

Pode não parecer, mas muitos empreendedores e administradores mal sabem ou, ainda, desconhecem por completo seus alvos.

Mas não se esqueça de que o esforço vale a pena. Com o estabelecimento das metas, também já dá para traçar quais processos e tarefas serão usados para alcançar o foco.

Facilidade para o trabalho

A clareza de informações também soma ao trabalho de todos os profissionais. Ao saber com detalhes o que é preciso fazer, os colaboradores tendem a se desenvolver de forma melhor.

Nesse sentido, a clínica ainda aumenta a sua capacidade produtiva, sem abrir mão da qualidade.

Equilíbrio das contas e satisfação dos pacientes

gestão para pacientes

E, ao somar todos os denominadores citados, chegamos aos melhores resultados: o equilíbrio financeiro e a satisfação dos pacientes.

Agora, quando você vai à contramão disso tudo, é provável que a clínica atrase o horário das consultas, não faça um atendimento humanizado, de fato; tenha conflito entre os funcionários, apresente problemas de fluxo de caixa, etc.

Todos esses conflitos acabam causando a frustração das expectativas dos pacientes. Fora isso, a sua clínica ainda pode sair com má reputação.

Sem dúvidas, esses são fatores extremamente ruins, não é mesmo?

Quais os desafios da gestão dos consultórios?

Os maiores obstáculos para a gestão de clínica são:

  • sincronizar o trabalho de todos os profissionais;
  • ter um fluxo de caixa eficiente;
  • investir mais em capacitação profissional;
  • bater as metas.

Entretanto, os desafios podem diminuir se contarmos com boas estratégias de administração.

Confira agora as soluções da Clínica nas Nuvens para você fazer uma excelente gestão da clínica.

Como fazer gestão de clínica?

Bom, já mostramos quais são os benefícios de fazer uma administração de clínica eficiente. Além disso, também mencionamos quais são os problemas gerados pela falta de controle.

Pois, bem! Agora, vamos ver como gerir todos os recursos e os profissionais.

Confira os passos fundamentais:

Atendimento de Qualidade

Desde a entrada à saída do paciente, é preciso que a clínica ofereça um atendimento de qualidade.

Aliás, é aqui que se faz tão imprescindível o atendimento humanizado: a capacidade não só de entender e amenizar patologias, mas também de recepcionar, escutar e acolher os pacientes.

Lembrando que o atendimento humanizado é responsabilidade de todos: médicos, enfermeiros, recepcionistas, seguranças, profissionais da limpeza, etc.

Indicadores de desempenho

Os indicadores de desempenho servem para que você avalie se as atividades estão de acordo com as metas estabelecidas.

Para uma clínica médica, alguns dos parâmetros podem ser os seguintes:

  • faturamento;
  • tempo de permanência dos pacientes no centro médico;
  • consultas feitas dentro do horário estipulado;
  • taxa de comparecimento dos pacientes;
  • glosas de convênio TISS;
  • qualidade do atendimento.

Entenda mais sobre como fazer uma gestão voltada para os dados. Baixe agora nosso ebook sobre Data Driven!

Conte com um software de gestão de clínicas

software de gestão de clínicas

Mais uma ajuda fundamental para gerenciar uma clínica de saúde, seja ela privada ou pública, é ter um software médico que facilite os processos e as tarefas.

Sim, o grande avanço da tecnologia também permite isso, e você verá o quanto pode ser excelente para o dia a dia.

Para ficar mais claro, veja com o que, especificamente, a ferramenta consegue te auxiliar:

  • fazer o atendimento por telemedicina;
  • criar e editar agendas médicas;
  • desenvolver e guardar prontuários eletrônicos de forma 100% segura;
  • estabelecer o controle financeiro;
  • realizar campanhas de marketing;
  • aumentar a receita reduzindo as glosas de convênio.

Ou seja, é um verdadeiro braço direito para o dia a dia, uma maneira de otimizar as demandas com mais praticidade e segurança.

Ficou interessado em trazer soluções de gestão para a sua clínica? Faça agora uma demonstração do software Clínica nas Nuvens!

Conclusão

Neste conteúdo, vimos qual é o conceito de gestão de clínicas: gerenciar processos, tarefas e pessoas de forma a alcançar as metas escolhidas.

Também passamos algumas dicas sobre como estabelecer e manter o equilíbrio.

Vale o destaque para o software, que consegue unir todos os pontos-chave em um só sistema simples, claro, objetivo e totalmente eficiente.

Agora é com você! Defina por quais aspectos começará a implementar a gestão de clínica!

É claro que, no começo, tudo pode parecer muito desafiador, mas, aos poucos, é possível definir os objetivos, criar rotinas de trabalho, somar à capacidade dos colaboradores e, obviamente, fazer a diferença na vida dos pacientes!

Nós podemos garantir que todos os esforços valerão a pena!

Gostou deste post?

Aqui no blog Clínica nas Nuvens, você ainda encontra mais conteúdos sobre gestão e sucesso de clínicas e consultórios médicos.

Aproveite!

Compartilhe
André Luiz Forchesatto

André Luiz Forchesatto

Ajudo a facilitar a rotina de nossos clientes, gerenciando o time que trabalha constantemente para simplificar a gestão de clínicas, consultórios e centros médicos pelo Brasil.