Jornada do paciente: tudo o que você precisa saber para atrair e fidelizar clientes.

Baixar o e-book
Sistema online completo
para clínicas e consultórios
out 25
Prontuário eletrônico do paciente: por que minha clínica deve utilizá-lo?

Prontuário eletrônico do paciente: por que minha clínica deve utilizá-lo?

Cada vez mais a tecnologia tem sido uma aliada na hora de gerir as clínicas de saúde. Entre essas inovações está o prontuário eletrônico do paciente, uma ferramenta capaz de ajudar na prestação de um atendimento ainda mais preciso e na administração do seu negócio.

Não conhece muito bem essa novidade e nem sabe de que forma ela pode auxiliar na sua rotina? Continue a leitura deste artigo e fique por dentro do assunto!

O que é o prontuário eletrônico do paciente?

O prontuário eletrônico do paciente (PEP) é uma ferramenta tecnológica que permite ao profissional de saúde acessar e acrescentar uma série de informações sobre os seus pacientes, acompanhando o histórico médico dessa pessoa ao longo da sua vida.

Na prática, ele funciona como o prontuário tradicional, só que em vez de ser feito em folha de papel, ele é digital e integrado ao sistema de gestão da clínica. Assim, conta com mais interatividade e possibilidades, como de incluir fotografias, exames de imagens, vídeos e outros dados que sejam interessantes para o caso.

No Brasil, o PEP está normatizado desde 2002, por meio da regulamentação 1638 do Conselho Federal de Medicina.

Por que investir nessa tecnologia?

Ainda não sabe como o PEP pode ajudar a sua clínica? Veja algumas vantagens.

Mais produtividade e melhorias no atendimento

De acordo com uma pesquisa da Accenture, 63% dos médicos entrevistados relataram que o uso do PEP reduz o tempo de consulta com os pacientes. Isso acontece justamente porque a solução oferece mais agilidade para realizar buscas e pesquisas, já que conta com uma série de filtros, auxiliando a encontrar a informação que o profissional precisa, como exames, medicamentos já prescritos, problemas de saúde anteriores etc.

Dessa forma, em vez de ter que pesquisar as informações necessárias em um arquivo físico, rapidamente o médico consegue acessar os dados, agilizando o seu trabalho e oferecendo um atendimento com mais qualidade e precisão ao paciente.

No fim do dia, isso se traduz em menos tempo de espera dos pacientes e em uma agenda mais cheia para os profissionais.

Mais segurança

A segurança da informação é um ganho importante. Afinal, é muito mais difícil que uma pessoa mal-intencionada consiga acessar os registros médicos em nuvem — que conta com uma série de barreiras e criptografias — do que em um arquivo físico na sua clínica.

Além disso, o prontuário eletrônico evita outros problemas, como letras ilegíveis (que podem ser rasuradas ou extraviadas), documentos que se perdem com o passar dos anos e acesso por pessoas ou funcionários não autorizados.

Otimização do espaço físico

Arquivar os prontuários em papel exige um espaço bem grande na sua clínica, e conforme você for captando novos pacientes, esse arquivo terá que aumentar. Se a clínica contar com mais profissionais, a necessidade de espaço poderá ser um problema.

Com o prontuário eletrônico do paciente não será se preocupar com esse ponto, afinal, tudo fica armazenado em nuvem, ou seja, em um servidor próprio na internet, não necessitando sequer de espaço de memória nos computadores do consultório.

Assim, você poderá armazenar as informações de cada paciente por tempo indeterminado, sem que isso prejudique o espaço físico da sua clínica.

Personalizável de acordo com as necessidades da clínica

Muitos profissionais têm receio de usar soluções tecnológicas porque acreditam que elas não estão de acordo com suas necessidades. Isso não é verdade. O PEP é totalmente personalizável, podendo se adequar perfeitamente à rotina, especialidade e às exigências de uma clínica, já que é possível incluir as funcionalidade básicas que você julgar importantes.

Acessível remotamente

Emergências acontecem em qualquer ramo de atividade, e nessas horas é essencial que o profissional consiga acessar as informações dos pacientes. Com o PEP é possível acessar esses dados remotamente, de um smartphone ou tablet, sem necessitar estar fisicamente na clínica.

Além de todas essas vantagens, o PEP ainda permite que mais profissionais trabalhem em conjunto, adicionando informações, resultados de exames e outros dados essenciais. Em uma clínica em que vários médicos atuam, por exemplo, é possível ter acesso a um histórico muito mais preciso de cada paciente, oferecendo um tratamento ainda melhor.

Já deu para notar que o prontuário eletrônico do paciente é uma ótima maneira de modernizar a sua clínica, favorecer a sua gestão e ainda oferecer um atendimento de qualidade aos seus pacientes, certo? Se você gostou dessa ideia e quer conhecer mais sobre a solução, entre em contato conosco!

André Luiz Forchesatto

André Luiz Forchesatto é especialista em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina(UFSC). É CEO do Clínica nas Nuvens, um software médico online completo para o gerenciamento de clínicas e consultórios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *