Sistema online completo
para clínicas e consultórios
Empreendedorismo na área da saúde

Empreendedorismo na área da saúde

As profissões ligadas à medicina sempre foram muito bem posicionadas no mercado brasileiro e, pensar em empreendedorismo na área da saúde em uma época passada era pouco cotado, talvez até inviável em um todo. Porém, com o passar do tempo e especialmente depois das mídias e redes digitais, ser apenas um profissional de medicina – ou de qualquer outra área – não basta para se ter um negócio de sucesso.

É através do empreendedorismo que vários profissionais começam a buscar a sua diferenciação no mercado da saúde, que torna-se mais competitivo a cada dia e exige de seus profissionais mais dedicação e soluções, por vezes criativas, para atender demandas e expectativas.

Mas o que é empreendedorismo?

O empreendedor

Segundo Philip Kotler, que é considerado um guru em marketing, o empreendedorismo se trata de todo um conjunto de habilidades, hábitos e comportamentos, natos e inatos, praticados e reforçados por indivíduos.

Para Kotler, qualquer um pode ser empreendedor, uma vez que quando focada e empenhada, uma pessoa pode sim ser treinada para tornar-se empreendedora! Essas pessoas têm uma grande capacidade de pensar fora da linha do comum, e mais do que isso: colocar em prática suas ideias e motivações!

Empreendedorismo na saúde

  • Grande parte do empreendedorismo hoje pode ser feito na internet, em especial nas mídias e nas redes digitais. Aliando como forma do próprio marketing pessoal do médico, estar conectado é um grande passo de diferenciação dos concorrentes, além de aumentar a perspectiva que o profissional tem do mercado.
  • Oferecer um diferencial também é essencial: ambiente agradável, bom atendimento e preocupação com pessoas é o que manterá o paciente em sua clínica. Com as informações e a grande quantidade de profissionais hoje, se ele não gostar de seu serviço, não pensará duas vezes antes de trocar de profissional. Além disso, a gestão organizada do consultório ou da clínica é fundamental para exercer as boas práticas de empreendedorismo. Colocar ordem na casa é o primeiro passo!
  • Especialização e tratamentos diferenciados também são um grande atributo frente à concorrência, bem como a curiosidade de estar sempre atento a novidades do mundo médico, tais como alimentação e hábitos de exercícios é essencial. Estar informado é extremamente importante, especialmente quando os seus pacientes têm acesso a artigos e pesquisas médicas, que antes somente acadêmicos e profissionais da área da saúde teriam.
  • Uma das grandes formas de empreendedorismo hoje são as clínicas médicas: lugares onde vários profissionais de áreas diferentes atendem e oferecem uma alternativa viável ao paciente. Se ele confia em um cardiologista e precisa de um ortopedista, nada mais natural do que confiar no vizinho de porta de seu médico favorito. Aliar-se a bons profissionais pode fazer a diferença no seu dia a dia profissional.
  • Essas são algumas diretrizes de como pensar o seu negócio! A partir daí, o empreendedor deve ser acima de tudo curioso e persistente em suas pesquisas. Tem uma grande ideia? Coloque-a em prática e empreenda em sua área ou negócio! Empreender não é ter uma super ideia criativa, muitas vezes é ver um problema e saber solucioná-lo da forma mais adequada possível à situação, ao local e ao tempo.

André Luiz Forchesatto

André Luiz Forchesatto é especialista em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina(UFSC). É CEO do Clínica nas Nuvens, um software médico online completo para o gerenciamento de clínicas e consultórios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *