Sistema online completo
para clínicas e consultórios
A importância da troca de informações entre profissionais da área médica

A importância da troca de informações entre profissionais da área médica

Vivemos em uma sociedade de troca. O conceito, que se aplica muito bem à atualidade, no entanto, teve início há muito mais tempo com a prática do escambo: troca de uma mercadoria por outra sem considerar o valor. Com os anos, algumas mercadorias passaram a ganhar mais importância que outras, até que esse modelo foi substituído pelas negociações em dinheiro.

A essência da troca, porém, continuou e continua até hoje. No meio empresarial, a troca de informações através do processo de comunicação é a mais evidente delas. Empresas, gestores e profissionais buscam, cada vez mais, compartilhar informações com outros interessados no assunto. Os motivos são vários e vão desde a melhora no desempenho até a redução de despesas.

Ao trocar uma informação relevante com outra pessoa, ambas passarão a ter duas informações importantes. Um modelo bem mais “lucrativo” do que se essa informação fosse guardada só para uma das partes. Na área da saúde esse exemplo se aplica muito bem. Médicos que optam por trocar conhecimento com outros profissionais só tendem a ganhar.

Quando posso trocar uma informação relevante por outra interessante?

Sempre e em qualquer momento. A troca de informações entre profissionais da área da saúde precisa ser constante visto que, nesses casos, o objetivo maior geralmente é o cuidado de pacientes. Assim, o conhecimento de um profissional, somado ao conhecimento de outro, pode resultar em inúmeros benefícios.

É preciso lembrar que para sobreviver no mercado competitivo atual, médicos, clínicas e consultórios precisam de inovação. Portanto, essa troca de informações também pode ser utilizada quando o objetivo for buscar melhores soluções e diferentes técnicas e métodos para serem utilizados.

Como posso realizar essa troca de informações?

Congressos, palestras, workshops e todo lugar ou evento que busque priorizar o aprendizado é uma bom espaço para colocar isso em prática. Muito mais que ampliar o networking, momentos como esses devem servir, principalmente, para aumentar o conhecimento.

O mais importante é lembrar que para que essa tática funcione é preciso reciprocidade. Por isso, o primeiro passo é assegurar-se de que realmente está em uma relação de troca. Isso significa falar das suas experiências em alguns momentos, mas também, saber ouvir.

A troca de conhecimento não precisa, no entanto, ser restrita a esses locais. Ela pode (e deve) ser feita diariamente, até mesmo em encontros mais “informais”. Tudo visando melhorar o conhecimento e a atividade da medicina.

Quais os benefícios dessa prática?

Os benefícios dos processos de troca de experiências entre profissionais da área da saúde, principalmente médicos, são inúmeros. Muitos deles tangíveis e, até certo ponto, óbvios, já que envolvem oportunidades reais de aprendizado e obtenção de informações.

Quanto aos intangíveis, vale a pena ressaltar que essa prática é uma oportunidade de descobrir que seus problemas e dificuldades não são exclusivos e que outras pessoas já podem ter encontrado a “solução” daquilo que parecia impossível.

A troca de informações, conhecimento e experiência, abre novos caminhos, amplia horizontes e contribui para o desenvolvimento pessoal e profissional dos envolvidos no processo.

Gostou do nosso post? Então, não deixe de compartilhar nas redes sociais!

André Luiz Forchesatto

André Luiz Forchesatto é especialista em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina(UFSC). É CEO do Clínica nas Nuvens, um software médico online completo para o gerenciamento de clínicas e consultórios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *