Sistema online completo
para clínicas e consultórios
Entenda a importância da humanização no atendimento ao paciente

Entenda a importância da humanização no atendimento ao paciente

A Medicina e demais áreas relacionadas à saúde humana encontram-se atualmente em uma era de ouro no tocante a avanços tecnológicos. Com imensas possibilidades e técnicas especializadas, os profissionais médicos hoje encaram as doenças com fervor científico. Porém, talvez na mesma medida, a área da saúde tornou-se fragmentada e um de seus aspectos-chave vem sido deixado para trás: a humanização do atendimento.

Veja como o contato sincero, ético e empático com o paciente precede qualquer técnica científica e por que a humanização é um elemento crucial para o sucesso de qualquer prática de saúde. Confira!

Humanização: um conceito simples

A humanização nada mais é do que o relacionamento honesto entre o profissional de saúde e seu paciente. Este contato é construído com respeito, empatia, carinho e foca-se nas necessidades próprias do doente, que vão além de seus meros aspectos patológicos.

O médico deve ser capaz de sentir e lidar com os aspectos abstratos inerentes à condição humana, principalmente quando esta encontra-se fragilizada pela doença e incerteza. Ao tratar com seu paciente, o mesmo necessita de atenção verdadeira e que suas dúvidas e desconfortos, por menos importantes que sejam em relação ao quadro técnico de sua patologia, sejam tratados com igual ou maior aplicação.

Avaliação difícil

Apenas nota-se a humanização quando esta está ausente. O paciente é capaz perceber imediatamente se seu cuidador o trata com respeito e atenção ou não. Por isso, avaliar o quão humanizado está os serviços gerais de saúde não é tarefa fácil e exige uma delicada e intricada pesquisa, que irá lidar com termos absolutamente qualitativos.

Da mesma forma, é difícil ensinar ou testa esta capacidade nos alunos que aspiram a Medicina como profissão. A docência da área deve ter cuidado crítico com a questão ao formar seus profissionais, que levarão consigo as experiências de seu ensino pelo resto de suas vidas.

Fundamental a qualquer tratamento

Um paciente que se encontra desconfortável, duvidoso e que sente que está sendo tratado com indiferença terá muito mais resistência para aderir a qualquer tipo de tratamento e, em geral, o curso de sua doença e de sua condição psicológica será pior.

Por outro lado, quando a equipe trata o paciente com carinho e leva em conta suas questões individuais (condição familiar, particularidades socioculturais, medos, entre outras) consegue que este abrace o tratamento oferecido com maior confiança e abertura, facilitando o desfecho positivo de sua doença.

Olhar para dentro

A humanização está no cerne da prática médica desde sua origem e é estimulada quando os profissionais encaram seus próprios medos, vícios, defeitos e incluem em sua vida a capacidade de refletir sobre os aspectos filosóficos, artísticos e abstratos da condição humana.

Para tanto, o ensino médico não pode priorizar ou só dar lugar à faceta técnico-cientifica da profissão e deve instigar nos alunos a vontade de compreender a vida humana como um todo. Só assim, as áreas da saúde voltarão a ser uma arte complexa e não apenas uma prática fria e puramente racional. Afinal, o ser humano não é totalmente racional; então assim deve ser quem cuida da saúde do outro.

O consenso é geral: a humanização deve ter lugar de ouro no atendimento a qualquer paciente.

Gostou de nosso post? Deixe seu comentário ou dúvida aqui! Aproveite também para cadastrar-se no nosso site e fique por dentro das nossas informações!

Confira também:

7 dicas para melhorar a relação com seus pacientes

André Luiz Forchesatto

André Luiz Forchesatto é especialista em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina(UFSC). É CEO do Clínica nas Nuvens, um software médico online completo para o gerenciamento de clínicas e consultórios.

4 Comentários

  1. Priscila
    8 de julho de 2016 às 20:25 · Responder

    Ótimo , se eu tivesse lido isso hoje mais cedo teria ido muito bem na minha redação ????????

  2. Maxatin Brasil
    18 de maio de 2016 às 17:58 · Responder

    parabéns!

  3. Joana Fernandes
    18 de maio de 2016 às 17:57 · Responder

    Muito bom, adorei!

  4. Mario
    5 de agosto de 2015 às 12:54 · Responder

    Adorei o tema. Texto muito bom.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *